DEMITIDO: Bolsonaro removeu o Luiz Mandetta do Ministério da Saúde, pasta será assumida por Nelson Teich - Blog Coisa Nossa

O PORTAL DA TERRA DA ROMARIA! São Joaquim do Monte-PE

DEMITIDO: Bolsonaro removeu o Luiz Mandetta do Ministério da Saúde, pasta será assumida por Nelson Teich

Compartilhe isso!

Mandetta é demitido do Ministério da Saúde em meio à pandemia da Covid-19, o novo Ministro é  oncologista Nelson Teich vai assumir o comando da pasta. 



Luiz Henrique Mandetta foi demitido, nesta quinta-feira, do cargo de Ministro da Saúde após uma série de tensões e divergências com o presidente Jair Bolsonaro sobre o isolamento social e as recomendações a serem seguidas durante a pandemia da Covid-19. O oncologista Nelson Teich será o sucessor ao cargo.

No início da tarde de ontem, um dos seus principais aliados, o secretário de Vigilância em Saúde Wanderson Kleber de Oliveira, pediu demissão da pasta. Por e-mail, ele revelou aos subordinados que a saída de Mandetta estava estava programada para "as próximas horas ou dias" e era a hora de se preparar para sair junto.

A demissão já era esperada há algum tempo, depois que farpas foram trocadas entre Mandetta e Bolsonaro. 'Paciente troca de médico', disse o presidente após uma fala do ex-ministro afirmar que 'médico não abandona paciente'.

Continuando o racha político, o apoio que o ex-ministro tinha no núcleo militar do Palácio do Planalto para continuar no cargo também perdeu força, após a entrevista dada no Fantástico na noite de domingo. O tom adotado foi avaliado pela cúpula como uma provocação desnecessária.

Novo Ministro da Sáude



Após sua saída do Ministério da Saúde, Luiz Henrique Mandetta confirmou o oncologista Nelson Teich vai assumir o comando da pasta. Assim como o ex-ministro, Teich é a favor do isolamento horizontal como forma mais eficaz para conter o avanço do novo coronavírus no país. Ou seja, ele defende que o distanciamento social precisa ser aplicado para a população como um todo, não apenas os idosos e demais grupos de risco, como pacientes com doenças prévias, as chamadas comorbidades.

Blog Coisa Nossa Pernambuco
Com informações do Diario de Pernambuco

Nenhum comentário: