Mural de Avisos

O BLOG DA TERRA DA ROMARIA! São Joaquim do Monte-PE-

Recentes

POLÍTICA: Marília Arraes em voo crescente

Colocada na disputa ao Governo, a petista não descarta compor com partidos rivais como o PSB.



Embalada com uma maré positiva a seu favor em virtude de pesquisas lhe deixando bem colocada, a vereadora do Recife e pré-candidata ao governo de Pernambuco, Marília Arraes (PT), vem percorrendo o interior do Estado para se cacifar e ontem, no programa de rádio Farol de Notícias, na Vilabela FM, em Serra Talhada, deu declarações ressaltando o seu interesse em receber apoios de peso.

“Se o PSB quiser coligar com a gente pode vir, não tem problema, não”, disse a petista após pesquisas do Instituto Múltipla lhe apontar como terceira via com a menor rejeição.
À Rádio Vilabela, Arraes reforçou que não vai flexibilizar seu programa de governo.

“A gente tem que aceitar apoio. Miguel Arraes foi apoiado por gente que tentou assassinar ele em 64. Mas ele não flexibilizou seu projeto de governo por conta disso, não fez flexibilização ideológica. Então, nós podemos sim, lógico (coligar). Quem quiser apoiar seja bem vindo, agora não vamos mudar e flexibilizar o nosso projeto para fazer um projeto parecido com o que Michel Temer está fazendo com o Brasil que é isso o que eles defendem”, afirmou a vereadora, também se referindo ao ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), e o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB).

PESQUISA - Em pesquisa recente, a petista apareceu com 14,5% das intenções de voto na primeira pesquisa registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) para as eleições de 2018.  De acordo com o “Instituto Múltipla”, que ouviu 600 pessoas em 65 municípios, o senador Armando Monteiro (PTB) lidera com 20,5%, seguido pelo governador Paulo Câmara (PSB), com 16%.

Fora do pleito em 2014, a petista está em empate técnico com os primeiros colocados, e já considera o apoio do PSB e de aliados do presidente Michel Temer (PMDB) para concorrer ao Palácio do Campo das Princesas. Responsável pelos números da corrida estadual, o Instituto de Pesquisa Múltipla está sediado no centro de Arcoverde, no Sertão do Moxotó, conforme dados públicos, registrado no nome de Maria Edna Fallabella.

Segundo o registro no TRE-PE, a contratante da pesquisa é a própria empresa, que realizou as entrevistas entre 18 e 22 de janeiro. O instituto aponta que Marília cresceu de 10% para 14,5%, enquanto Paulo Câmara caiu de 18,7% para 16%.  O crescimento de Marília corrobora com a tese de que uma candidatura própria do PT seria o caminho ideal para assegurar a formação de uma bancada petista fortel.

Blog Coisa Nossa Pernambuco
Com informações do Folha de Pernambuco.
Por: Ulysses Gadêlha

Nenhum comentário