a Sala de Leitura: Afinal o amor foi feito para se sentir e não para ser entendido. | Blog Coisa Nossa

O BLOG DA TERRA DA ROMARIA! São Joaquim do Monte-PE-

Sala de Leitura: Afinal o amor foi feito para se sentir e não para ser entendido.

"Porque quem ama nunca sabe o que ama, nem sabe porque ama, nem o que é amar. Amar é a eterna inocência, e a única inocência é não pensar". (Fernando Pessoa).




Vivo na inconstante barca dos sentimentos humanos, uma barca grande e que transmite todos os dias um turbilhão de sentimentos e nesse enorme oceano que ela navega ela deixa seus mistérios,  mistérios que nunca antes fomos capazes de entender e nem seriamos loucos de tentar pois com sentimentos humanos nunca saberemos lidar. Cada ser na terra tem seu modo de transmiti-los e assim construímos o bom da vida, pois é esse jogo misterioso de saber, ou melhor, de tentar saber o que o outro sente, que nos mantem vivos e malucos para sentir e entender o mundo que nos cerca.

Alegria, medo, raiva, tristeza, e o AMOR, isso o amor, esse sentimento encantado, magico e que todo mundo sente ou um dia irá sentir. Ele é capaz de transformar o homem mais bruto e seco em um poço de carinho e gentileza. O Amor pode ser definido como um ato de loucura. Loucura? Isso mesmo caro leitor, loucura boa, loucura que faz bem, ora que nunca quis fazer uma loucura de amor? Quem nunca se entregou loucamente para um amor?

"O amor é fogo que arde sem se ver, é ferida que dói, e não se sente, é um contentamento descontente, é dor que desatina sem doer", e assim como descrever Luiz de Camões o amor é um misto de sentimento, nele temor o fogo do deseja, a raiva do ciumes, a tristeza da saudade e a Alegria do estar perto. Esse tal amor nos faz sonhar e ao mesmo tempo pode nos fazer desistir de nosso maior sonho, só para pode amar alguém.

E já que o amor nos faz melhor. O que seria do mundo se todos conhecem a força da paz que esse sentimento nos traz? Acabaria a fome, a violência, a desigualdade... Ora! Meus amigos o amor é o remédio para esta corrompida humanidade, amem mais, ensinem sobre o amor. Seja ele como for, seja de verdade, seja amor a qualquer hora. Afinal de contas ele foi feito para se sentir, não precisa de explicação para o AMOR, amem e permitam-se ser amados.

Por_ Antônio Oliveira
Sala de Leitura.


Publicar no Google Plus

O Blog Coisa Nossa Pernambuco

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: